domingo, 20 de julho de 2008

Tatá Maputo, Hambanine Moçambique...

Desta viagem, este é o último post de Moçambique. Para despedida vou mostrar mais algumas fotos do Maputo, começando, no entanto, por uma cara risonha (foto tirada nos arredores de Boane).Duas fotos da Igreja da MalhangaleneIgreja Metodista na MalangaMesquita a caminho do XipamanineNa Av. Ahmed Sekou Touré (antiga Afonso de Albuquerque) o interior da Capela do Colégio dos Maristas e......mais à frente, na mesma avenida, a Vila Algarve, onde funcionou a PIDE e que, dentro em breve, será recuperada para ali ser instalada a Ordem dos Advogados de Moçambique.
Na Av. Ho Chi Min (antiga Andrade Corvo) o Museu Nacional de ArteDuas vistas para a baixa tiradas do Hotel CardosoMuito perto do local de onde as fotos anteriores foram tiradas, o Liceu Josina Machel (antigo Liceu Salazar)E, ainda na alta, o "monumento" em memória de Carlos CardosoNa baixa dois "marcos": a Casa da Sorte e o edifício RubiAv. Vladimir Lenine (antiga Augusto Castilho) quase a chegar à baixa
A Escola Maometana, numa perpendicular à Av. 24 de Julho...
...e, numa outra perpendicular, uma escola primária.No fim da Av. 24 de Julho, na esquina com a Av. Julius Nyerere (antiga António Enes), o edifício da Cimpor
Um dos bronzes na fachada da Rádio Moçambique (antigo Rádio Clube de Moçambique) na Rua da Rádio
Vista de avião (a caminho do Norte) de bairros nos subúrbios do Maputo.
A fechar quatro flores...




Ir para o Índice .

11 comentários:

RjL disse...

Obrigado por esta magnifica viagem!
Bem haja!

Anónimo disse...

kanimbambo por toda esta viagem a minha Africa querida.
Sai de Moçambique em agosto de 1974 e não mais lá voltei por varios motivos e ao entrar neste site fiquei delirada com as lindas fotos que vi,pena é que não haja da zona onde nasci e vivi durante 12 anos que foi no LIMPOPO(Trigo Morais,Aldeia da Barragem e Massingir),embora tivesse visto a praia onde sempre passei as minhas ferias.Mais uma vez kanimbambo por tudo e muitas Felicidades e continuação de boas fotos sobre essa TERRA maravilhosa e feiticeira e que sem sombra de duvida é um autentico PARAISO.
DE UMA MOÇAMBICANA NASCIDA E CRIADA NAS AGUAS DO LIMPOPO.

Anónimo disse...

O blogue está espectacular! Estive em Moçambique em Fevereiro de 2008. Estive exactamente nos mesmos locais(Maputo e Gaza) Não resisti a enviar este comentário quando vi as fotos do Liceu(Salazar) onde estudei e da Escola...16 de Junho, onde fui professora já depois da Independência. Estive lá, falei com o director...emocionei-me e revivi momentos inesquecíveis. Tenho fotos que posso partilhar. Tatá!

Anónimo disse...

É sempre bom ver estas fotos da antiga Lourenço Marques! Parabéns, é um bom trabalho.
Gostaria de saber se a escola primária 16 de Junho que fica numa perpendicular da 24 de Julho se chamava D. Judite Proença Norte. É que andei na 2.ª classe dessa escola
em 1962/63 mas não me lembro bem da fachada.
Continue com estas belíssimas reportagens. Obrigada
Helena

Transparências disse...

Olá, uma amiga de Moçambique falou-me neste blogue, estive a devorar rápidamente e já estou a escrever para dizer que estou encantada, tantos anos a viver lá......agora com calma vou ver tudo com cuidado.
Obrigada por esta riqueza, depois volto...Tátá

Encontro Internacional de Poetas disse...

Impressionante depoimento gráfico!
Qualidade soberba na forma como capta a naturalidade das situações sem tentativas de mostrar o lado mais favorável das coisas em detrimento da verdade.
Como moçambicano apenas me resta agradecer esta fantástica viagem a minha terra!
Kanimambo!

glória disse...

Também andei na Escola D. Judite Proença Norte, mas entre 1973 e 1976. Infelizmente não me recordo do nome da rua, mas ficava perto da minha casa, na Avenida General Machado. Eu morava no prédio de 15 andares a que chamavam "barra de sabão". Conheceu? Quase em frente da escola estava o restaurante indiano Kalcutá, não era?

glória disse...

Descobri este blogue e simplesmente adorei! Nasci em Maputo, mas era então Lourenço Marques, em 1967. Nem imagina as saudades que tenho da minha linda terra! Nunca mais consegui lá voltar, e á medida que os anos passam, esse vai-me parecendo um sonho cada vez mais distante. Ver as suas queridas fotografias de tantos lugares onde fui tão feliz, fez-me sentir quase como se estivesse outra vez naquelas ruas, a ver aquelas cores, a ouvir aquela gente! Muito obrigada, do coração!

cristina disse...


Frequentei a escola D. Judite Proença Norte, entre 1967 e 1972. Vivi na Av. Álvares Cabral. Desde Agosto de 1974 encontro-me a residir em Lisboa e sou advogada. Adorava rever a minha querida escola. Agradeço a partilha.
Cristina Ventura

Anónimo disse...

Olá
Frequentei a escola D. Judite Proença Norte em 1969 e 1970 Andava á procura de fotos e adorei rever tudo.Antes de viver em Lourenço Marques estive 1 ano em Augusto Cardoso,Metangula Niassa onde entrei para a escola. Moçambique está para sempre na minha memória e no meu coração. As memórias mais longínquas da minha infancia são passado presente quando vejo fotos destas OBRIGADO

Helena Barreira disse...

Olá,
Nasci em Lourenço Marques, em 1958, no Hospital Miguel Bombarda. Morei muitos anos na Av. Afonso de Albuquerque, mesmo em frente à Escola Industrial. Frequentei a Escola Primária Comandante Correia da Silva (Filipa de Vilhena para as meninas) de 1964 a 1968. Depois fui para o Liceu D. Ana e um ano antes do 25 de abril, frequentei o Liceu Salazar, até 1975, quando acabei o antigo 7.º ano (TURMA DOS ALUNOS DE DIREITO). Quase nesta altura, mudei de residência, para perto do Restaurante Sheik. O meu pai trabalhava na Sócor, firma de materiais de construção. Andei na natação nos Velhos Colonos e no ballet, no Núcleo de Arte. Em dezembro de 1975, vim para Portugal, pela primeira vez. Tirei o curso de Germânicas e resido no Porto.Tenho muitas saudades da minha terra: do cheiro, do nascer e do pôr do sol, do Natal, enfim!!!
Parabéns!
Helena Maria B. Correia (Baratinha)